terça-feira, 30 de setembro de 2008

A difícil escolha na reta final...

Apesar de faltar pouco tempo para o dia de votação eleitoral ainda não consegui decidi quais candidatos merecem o meu voto, aqui em Florianópolis. Acredito que assim como eu muitas pessoas também não, sobretudo aquelas que não são filiadas a nenhum partido especificamente. Tenho consciência que um voto faz diferença e da importância das decisões políticas na vida da cidade e das pessoas.
Nesta reta final o desespero dos candidatos é notável. No centro e nas esquinas das ruas da cidade há uma enxurrada de pessoas (que conseguem assim um trabalho extra!) distribuindo “panfletos” ou acenando bandeiras partidárias.
Pela televisão assisto candidatos que fazem verdadeiros “clipes” pelos lugares da cidade. Outros se apresentam com frases que parecem decoradas “meu nome é... sou morador de... meu número é...”. Muitos finalizam com frases soltas e muito abrangentes como “vamos lutar por...”, “acredite no potencial da mulher...”, “vou melhorar saúde, educação”, “vou construir...”, “colocar mais horários de...”.
Sinceramente é uma comédia o horário eleitoral transmitido em rede nacional. Meu questionamento é: será que os vereadores que se apresentam sabem a verdadeira função do cargo político que aspiram?
E os candidatos a prefeito então. Meu Deus! Preocupam-se muito mais em falar dos feitos e desfeitos da carreira política dos seus adversários do que apresentar propostas concretas de governo se forem eleitos. Está muito difícil decidir e encontrar pessoas sérias e competentes para ocupar um cargo público.
Todavia, como tem que escolher alguém penso que escolherei aquele que menos distribuiu panfletos, pois assim demonstrou que tem consciência ecológica e contribuiu para a cidade ficar mais limpa.
No caso de vereador provavelmente escolherei algum que representa alguma associação comunitária e que fez um bom trabalho. Para prefeito está difícil, muito difícil. Penso em talvez enviar e-mails para todos e ver qual responde mais coerentemente. Enfim, precisarei me convencer. E certamente não apenas eu.

Andressa .

Um comentário:

letícia disse...

Prima, tu sabes de uma coisa curiosa que ando pensando, se esses candidatos sabem o que fazerem depois que forem eleitos!! É tamanha a insegurança que tenho sobre eles que me vejo pensando assim...com um medo que não é meu.
Adorei teu texto, pois me encontro na mesma situação, mesmo assim acreditarei numa SM muito melhor com mais investimentos na cultura, valorizando tudo que essa cidade tem de bom!
Bjs e mais uma vez, feliz aniversário querida!

O sinônimo da palavra AMOR

Acredito que a palavra “MÃE” deve ser uma das mais ditas em cada língua neste mundo. Não tem como negar que a mãe é a pessoa que possui o no...