terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Se há sentimento bom. Que bom !

Coincidentemente recebi hoje duas mensagens de pessoas diferentes através de email e rede social sobre um mesmo assunto. Ambos me indagavam o que poderiam fazer com o sentimento de admiração que possuiam. Confesso que num primeiro instante fiquei feliz, porém logo mais já estava um pouco aborrecida. Pareceu que o sentimento que eles têm deveria ser obrigatoriamente correspondido. Isso é assustador. Diria até ameaçador !
Penso que a melhor coisa do mundo é admirar, gostar de alguém, amar, etc. Independentemente de ser correspondido ou não. Os sentimentos de contemplação, admiração, amizade ou amor demostram o quanto o ser humano é lindo. E ter a capacidade de sentir coisas boas é algo maravilhoso. E até raro.
Eu lembro que uma vez eu gostava tanto tanto tanto de um professor de Literatura que o simples fato de ir nas aulas para poder vê-lo era para mim o bastante. Eu sabia que o amor era platônico e realmente não me preocupava se seria correspondida um dia. Aliás, eu tinha certeza que não. Porém, aquele sentimento me fazia mais viva, mais bela, mais radiante, mais feliz e até mesmo mais sensível. Isso eu percebia. E era o que importava.
Se há sentimento bom. Que bom ! É uma dádiva a manifestação dele. É claro que sempre queremos ser correspondidos, mas o importante mesmo é conseguir ser capaz de amar e admirar. Infelizmente nem todos têm esta capacidade. E isso é muito grave e até triste.
Então, um brinde aos BONS sentimentos. Eles nos fazem pessoas melhores.

Nenhum comentário:

O sinônimo da palavra AMOR

Acredito que a palavra “MÃE” deve ser uma das mais ditas em cada língua neste mundo. Não tem como negar que a mãe é a pessoa que possui o no...